logo

Matricule-se agora

Conheça os detalhes do curso de inglês ABA Online

Inscreva-se para receber ofertas especiais






Tire suas dúvidas conosco

contato@abaonline.com.br

Domine os verbos mais importantes do inglês | TO BE

Domine os verbos mais importantes do inglês | TO BE

Em julho nós fizemos um post sobre as 100 palavras mais utilizadas do inglês e ele terminou se tornando um dos mais lidos do segundo semestre de 2018. Na mesma postagem, também compartilhamos os 25 verbos mais frequentes da língua e, se você prestou bastante atenção à lista, encontrou alguns “verbos coringa” do inglês.

Para tais verbos, é importante ir além do seu significado, mas aprender a realmente dominá-los. Isso porque ele são utilizados em diversos contextos e, muitas vezes, funcionam como verbos auxiliares contribuindo para pequenas mudanças no significado das frases.

Pensando nisso, decidimos criar uma série de posts com guias essenciais do que você precisa saber sobre os verbos mais importantes do inglês.

E para dar início a isso, seria impossível não escolher o famoso verbo to be. Ele é normalmente o primeiro verbo da língua que aprendemos, e muita gente ainda tem dúvidas sobre seu uso. Vamos desmistificá-lo?

 

VERB TO BE

A informação mais importante que você precisa saber sobre o verbo to be é que, em português, ele pode ter dois significados: SER ou ESTAR. Eu sei que isso é repetido inúmeras vezes, mas você já parou para pensar no que isso realmente significa? Significa que, em inglês, um único verbo já é suficiente para representar o sentido dos verbos ser e estar.

 

Mas como eu vou saber se o verbo to be significa ser ou estar em determinada frase? Bem, isso vai depender do contexto. Por exemplo, “She is at home” obviamente não significa “Ela é em casa” e sim “Ela está em casa.”. Da mesma forma, “John is in London” quer dizer “John está em Londres” e não “John é em Londres.”

Tudo bem até aqui? Então, que tal aprendermos um pouco sobre a conjugação do verbo to be?

AFFIRMATIVE

I

am

from Brazil.

You

are

He

is

She

is

It

is

We

are

You

are

They

are

 

E se eu quiser criar frases na forma interrogativa? Simples! Basta mover o verbo to be para o início na oração. Olha só as frases interrogativas abaixo:

INTERROGATIVA

Am

I

from Brazil?

Are

you

Is

he

Is

she

Is

it

Are

we

Are

you

Are

they

 

Já para formar frases negativas, a regra nos diz para adicionar a partícula negativa not, após o verbo to be, lembrando que, nesses casos, podemos usar a forma contraída, como nos exemplos abaixo:

NEGATIVA

I

am not / ‘m not

from Brazil.

You

are not / aren’t

He

is not / isn’t

She

is not / isn’t

It

is not / isn’t

We

are not / aren’t

You

are not / aren’t

They

are not / aren’t

 

Se você dominar essas informações que compartilhei até agora, te garanto que você terá muito mais facilidade para compreender diversas estruturas mais avançadas de inglês. O verbo to be é coringa porque ele é, muitas vezes, utilizado como um verbo auxiliar em estruturas mais complexas. Frases no presente contínuo e passado contínuo, por exemplo, exigem a utilização do verbo to be como auxiliar da frase, mas não como verbo principal. Por exemplo: “I am writing”. (Eu estou escrevendo) e “You are reading”. (Você está lendo). Percebam que o verbo to be não é o principal verbo das frases, mas é muito importante em suas estruturas.

Por fim, deixo aqui abaixo todas as possíveis formas que o verbo to be pode assumir. Lembrando que, em caso de frases negativas, pequenos ajustes precisam ser feitos dependendo do tempo verbal:

Conjugação do verbo to BE

PRONOUNS

PRESENT

PAST

PARTICIPLE

I

am

was

have been

He / She / It

is

was

has been

We / You /  They

are

were

have been

 

Já está confiante em relação a este verbo? Ainda tem alguma dúvida? Coloca aqui nos comentários que ficaremos felizes em te responder! =)

4 Comments

Post a Comment

Comment
Name
Email
Website